RO - Segunda - Feira, 11 de Dezembro de 2017
Atualizada: 02/12/2017 00:36:16

Ex-vereadora de Colorado do Oeste é inocentada no processo de instalação elétrica

Mariley Novaki enfrentou um processo na Justiça quando era presidente da Câmara.

A ex-vereadora e ex-presidente da Câmara de Colorado do Oeste, Mariley Novaki (PT), que exerceu o mandato de 2012 a 2016, acaba de ser inocentada pelo juiz da comarca. Na época em que exercia o mandato de presidente da Casa, Mariley foi acusada pelo Ministério Público e por um vereador de ter cometido  improbidade administrativa.

 

A vereadora foi acusada de irregularidades numa licitação para contratação de empresa para prestar serviços elétricos no prédio da Câmara de Colorado. Na época, o caso ganhou repercussão e a a petista sempre negava qualquer má fé no certame.

 

O processo contra a ex-parlamentar percorreu todas as instâncias judiciais, inclusive ela chegou a perder o mandato temporariamente, vindo a recuperar o posto posteriormente, por decisão unânime da justiça. Em instâncias superiores o caso foi arquivado e nada foi encontrado contra a ex-presidente da Casa de leis de Colorado.

 

Agora, nesta terça, 27, o juiz do município considerou improcedente a acusação e a inocentou. Na decisão, o magistrado afirma que não detectou nenhum prejuízo ao erário público no processo em questão. Longe do poder, após perder as eleições de 2016, e trabalhando como professora da rede municipal de Colorado, a ex-presidente da Câmara comemora a decisão da Justiça:

 

“Sou inocente e agora está provado. Muitos políticos da oposição sabiam que a obra foi feita, mas justamente para me ver fora da política, começaram a me perseguir”.  Ao ser questionada se pretende voltar para a vida pública, Mariley é enfática: “Sim, estou de volta!”.